Notícias

13/12/2016

GLP vai fechar ano fiscal com aportes de US$ 100 milhões

A Global Logistic Properties (GLP) – maior empresa de galpões do país – avalia que se a economia melhorar em 2017 será possível acelerar o ritmo d e investimentos conforme a demanda. O crescimento ocorrerá por meio de novos projetos de galpões. “Olhamos oportunidades de ativos prontos. Mas, pela carência [de imóveis com padrão buscado], o caminho será o desenvolvimento”, diz o presidente da GLP, Mauro dias.

O total a ser investido no ano fiscal de abril desde ano a março de 2017 é estimado pela GLP em US$ 100 milhões. Metade destina-se ao início de 108 mil metros quadrados de obras, os outros US$ 50 milhões, à entrega de 98 mil metros quadrados de galpões. De acordo com Dias, mesmo com a piora da economia, não foi necessário revisar os investimentos previstos.

Dias conta que, desde o segundo trimestre, a disposição de potenciais ocupantes de galpões tem mudado. De abril a setembro, a GLP fechou locação de 8m mil metros quadrados em novas áreas. As empresas continuam buscando eficiência na ocupação de áreas e melhora das operações. “O mercado estava bem fraco em 2015 e no começo desde ano”, compara o executivo.

A GLP estima fechar 2016 com 90% de seu portfólio locado. Há demanda, principalmente por parte das empresas do setor farmacêutico, de autopeças e de operadores logísticos. A empresa desenvolve galpões com perfil especulativo, ou seja, sem locação prévia, mas a partir de indicações de demandas, e só não está presenta na região Norte do país.

Neste ano, a GLP concedeu descontos em parte dos contratos de locação, mas o valor médio aumentou. “O setor já bateu no fundo do poço. A questão é com que velocidade voltara a crescer”, afirma o presidente da GLP. No segundo trimestre fiscal, o preço médio do meto quadrado locado ficou em R$ 22,8, ante os R$ 20,7 de um ano antes.

Na avaliação de Dias, serão necessários mais um ou dois anos para que haja altas reais de preços de locação de galpões. “O ritmo da retomada depende do crescimento da economia”, diz.

A GLP tornou-se a maior empresa do segmento de galpões, no Brasil, em 2014, ao adquirir portfólio do segmento da BR Properties. A empresa tem 2,7 milhões de metros quadrados de áreas concluídas e 900 mil metros quadrados em desenvolvimento. As entregas previstas para o ano fiscal atual somam 98 mil metros quadrados.

Fonte: Valor Econômico

Voltar para histórico de notícias

FALE DIRETO COM A GENTE

Entre em contatoENTRE EM CONTATO

VIDEO CORPORATIVO

Assista no nosso canal do Youtube