Notícias

13/02/2020

Melhores projetos industriais & logísticos: Mercado Livre

Considerado o maior projeto built-to-suit (BTS) do Brasil concluído em 2019, o galpão do marketplace Mercado Livre foi desenvolvido pela GLP e é sede da maior operação de fulfillment da marca na América Latina. Localizado no GLP Cajamar II, na cidade homônima e vista como estratégica para os centros de distribuição que buscam atender a região Sudeste, tem 112 mil m2 construídos sob medida para o negócio em questão. As obras foram entregues em julho do ano passado.

Nesta série do GRI Hub com os 'Melhores projetos industriais & logísticos do País', todos finalistas do GRI Awards 2019, você confere os diferenciais que fizeram do BTS Mercado Livre um dos empreendimentos mais admirados pelo mercado, ao lado do DCC – Distribution Center Cajamar, de Etoile, GTIS Partners e HTB Engenharia, e do Centro de Manutenção de Aeronaves da Latam Airlines, de RB Capital e Libercon Engenharia – este último consagrado como vencedor da premiação.

Localização do complexo
GLP Cajamar II possui fácil acesso à Rodovia Anhanguera (SP-330), um dos corredores logísticos mais importantes de São Paulo, e alternativamente também à Rodovia dos Bandeirantes. O eixo conecta São Paulo a uma das regiões industriais mais importantes do interior do Estado.

O empreendimento está a 20 quilômetros do Rodoanel Mário Covas, o que torna fácil o chegar às dez rodovias que passam pela Grande São Paulo, como Régis Bittencourt, Imigrantes e Anchieta – que ligam a capital do Estado ao Sul do País. Os dados divulgados neste conteúdo foram obtidos no site oficial da GLP e no material-base da inscrição do projeto no GRI Awards 2019.


Principais diferenciais
Entre suas características, o GLP Cajamar II traz um modelo de locação flexível de área para armazenagem, com possibilidade de adição de módulos; alto percentual de eficiência de área de armazenagem sobre área locada total; eficiência de armazenagem de 1,25 palete/m² – o que torna o imóvel mais eficaz do ponto de vista de potencial de estocagem –; e galpões cross docking, atendendo a esse sistema de distribuição e redistribuição que tem crescido no País e que diminui a necessidade de armazenamento de produtos.

Outros detalhes técnicos do complexo logístico incluem mezanino sob medida, piso de concreto nivelado a laser com resistência de 6 t/m², cobertura em estrutura metálica, telha zipada com isolamento termoacústico em facefelt e pé-direito livre de 12 metros.

O BTS do Mercado Livre apresenta sistemas inteligentes de automação, abrangendo ar condicionado, iluminação etc.; infraestrutura para cozinhas industriais; tecnologia de rastreamento de cargas; integração e-commerce com as transportadoras; e sistema de coordenação de armazéns. Adicionalmente, adota propostas disruptivas que aliam o uso do big data, realidade aumentada e realidade virtual, e impressão em 3D.

Outro ponto forte do BTS é o uso do aplicativo GLP Fast Pass, que otimiza o acesso aos parques logísticos da GLP, através de self-check in dos visitantes, autorização do acesso no horário liberado pelo locatário e direcionamento dos veículos às docas pré-indicadas. A aplicação contribui para a redução do tempo de permanência dos veículos no parque, otimização dos bolsões externos, ampliação do nível de segurança do parque e monitoramento do fluxo de entrada e saída do local.

Potencial do mercado virtual
A expansão do e-commerce no Brasil e o anúncio de 2019 feito pelo Mercado Livre de investir R$ 3 bilhões no País foram abordados em reportagem anterior do GRI Hub. Em entrevista à plataforma de conteúdo do GRI Club, Mauro Dias, presidente da GLP Brasil, abordou o potencial das vendas online e as barreiras para o crescimento dessa indústria, que esbarra em gaps logísticos nacionais.

"A grande barreira para esse crescimento está justamente na logística e no serviço oferecido. Ninguém quer comprar [um produto] e esperar uma semana para recebê-lo. Isso vai demandar que as empresas [de comercialização via internet] estejam preparadas. A Amazon e o Mercado Livre são grandes players com recursos, estruturas, tecnologia e know-how para fazer a diferença nesse mercado, elevando-o para um novo patamar", pontuou Dias.

Em estudo sobre tendências para a América Latina, divulgado em 2019, a companhia de logística DHL previu crescimento do e-commerce, anualmente, da ordem de 22% até 2021, em toda a região. No Brasil, a expectativa para o período chega a 17%.

GRI Industrial & Logística Brasil 2020
Em 2 de junho, os principais tomadores de decisão do segmento de imóveis industriais & logísticos do País – incluindo investidores, proprietários, operadores de galpões logísticos, locatários e desenvolvedores – participam do GRI Industrial & Logística Brasil, em São Paulo. O encontro ocorre em um ambiente propício para networking. Confira os detalhes.

Fonte: GRI Club

Voltar para histórico de notícias

FALE DIRETO COM A GENTE

Entre em contatoENTRE EM CONTATO

VIDEO CORPORATIVO

Assista no nosso canal do Youtube